Em resposta a contundente ofício entregue na sede da empresa, em Florianópolis, no início desta semana, com reclamações de autoridades municipais – o prefeito Gian Voltolini e o vice, Jaison Marchiori assinam o documento – em relação aos seguidos cortes no fornecimento de energia elétrica no município, a Celesc decidiu marcar uma audiência pública em Nova Trento, no próximo dia 7 de fevereiro, às 19 horas, na Câmara de Vereadores

A empresa destacou o chefe regional, Adriano Luz, para informar, discutir, dirimir dúvidas e ouvir os consumidores sobre os problemas relacionados às interrupções de energia, tanto residenciais como comerciais e industriais, além de apresentar soluções.

No ofício se relata que Nova Trento e região vem sofrendo com extensos períodos de queda de energia e que em dezembro, especialmente, constatou-se interrupções, de horas e até dias, em todas as áreas do território neotrentino.

Os cortes afetaram mais os bairros: Ponta Fina Norte e Sul, Vígolo, Ribeirão Frederico, São Roque, Velha, Mato Queimado, Trinta Réis, Centro e todo o distrito de Claraíba. Empresários de todos estes lugares dizem que tiveram que ficar horas sem produção. Outra reclamação deles é que mesmo após o restabelecimento do fornecimento, o sistema fica em meia fase, impedindo o funcionamento de muitas máquinas e equipamentos e, quando não, danificando-os.

Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome