O prefeito Tiago Dalsasso assinou o decreto 095/2022, determinando a aplicação de índice de revisão e perda inflacionária no auxílio alimentação dos servidores públicos ativos da administração pública municipal, contemplados na lei municipal  2.746/2019.

De acordo com o decreto, a perda inflacionária do auxílio alimentação fica revisada em 16,6720%, a partir de 1º de julho. Esta é a primeira vez que o auxílio é reajustado, e a porcentagem segue os índices acumulados nos períodos de janeiro de 2020 a janeiro de 2022.

O secretário de Administração e Finanças, Daniel Rongalio, e a diretora do setor de Recursos Humanos, Ivete Rachadel, estiveram presentes no momento da assinatura do decreto (foto). ““Além da reposição salarial, atualizada desde maio, agora também os servidores receberão benefício do auxílio alimentação com a revisão atualizada”, relembrou o prefeito.

Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome